16 setembro 2009

LISBOA TREME NA IRLANDA

Lisboa, parece, continua a "tremer" na Irlanda...
Não nos referimos, felizmente, a qualquer tremor de terra ou terramoto, apenas às intenções dos irlandeses (esse povo, em nome da "democracia", obrigado a votar tantas as vezes quantas as necessárias ao voto "correcto") para o referendo de dia 2 de Outubro.
Apesar da lavagem cerebral, e chantagem político-financeira, o campo do 'sim' está em queda. Antes assim. Confiemos aos irlandeses o derrube do mostro que, pelas piores razões, alardeia o nome de Lisboa nesta Europa de federastas.

Etiquetas: , ,

4 Comments:

Blogger P.E. said...

"A decisão do Conselho Europeu para tornear o voto Irlandês é genial, de uma enorme imaginação e mostra como se aprendem as lições dos erros: Já que os Irlandeses disseram que 'não', o que como sabemos é um resultado que nunca conta, vão ter nova oportunidade de dizerem 'sim', o único voto que podem ter. Tudo isto porque na Europa não se pode dizer 'não', tem de se dizer sempre 'sim'. Esta democracia muito especial entusiasmaria os nossos homens do Estado Novo que plebiscitaram assim a Constituição de 1933."
Pacheco Pereira, Janeiro de 2009

Saudações!

quinta-feira, 17 setembro, 2009  
Blogger luis filipe said...

Tenho muita esperança que os Irlandeses digam NÃO. Abraço do Luis Filipe Graça

quinta-feira, 17 setembro, 2009  
Blogger Corroios - Terra Nacional said...

Os irlandeses não são parvos de todo, haja fé

sábado, 19 setembro, 2009  
Blogger Vera said...

Faz-me lembrar o caso português do referendo para o aborto. É teimar até conseguir influênciar ou fazer uma campanha suficientemente pouco esclarecida, para então ter uma vitória "democrática".

terça-feira, 22 setembro, 2009  

Enviar um comentário

<< Home