23 abril 2009

MARCANDO O QUASE INÍCIO DE CAMPANHA...

A prova audio-visual da primeira discriminação.

Etiquetas: , ,

4 Comments:

Blogger libertas said...

Caro HNO,
Acredito que todas as eleições são oportunidades para tentar passar uma mensagem. Acredito que a mensagem anti-federalista diz pouco aos portugueses e não será o mais importante.

Mais importante será:
-a criminalidade/falta de segurança
-lutar contra a imigração descontrolada
-a corrupção do regime
-o abastardamentro de valores com a adopção de leis abortistas e perversas, como a tentativa de criar uma concepção de família à margem dos valores cristãos.
-a liberdade de escolha pelas famílias das escolas das suas crianças
-a promoção da natalidade
-a defesa das famílias com filhos
-a redução da carga fiscal
-a defesa dos pobres (como disse César das Neves, os pobres só são defendidos pela Igreja, a extrema esquerda defende os privilegiados): medicamentos baratos; limitação do valor das pensões a 3 ou 4 SMN; funcionários públicos com os mesmos direitos dos trabalhadores do sector privado; redução dos salarios da função pública superiores a 3 SMN com redução na mesma ordem da Taxa Social Única que recai sobre todos os trabalhadores, permitindo a criação de emprego.

Cumpre a todos, à Direita, fazer pender o barco para o nosso lado.
20% de votos na esquerda marxista (ou 65% na esquerda jacobina) é demais!

sexta-feira, 24 abril, 2009  
Blogger Nuno Castelo-Branco said...

É na verdade, esta discriminação é de uma idiotia total. Parece-me que andam a "fazer a cama onde se deitarão". E mais não digo.

sábado, 25 abril, 2009  
Blogger Gonca Bass de Grass said...

Nem outra coisa se esperaria deste banho-maria ideológico em que vivemos.
GCF

domingo, 26 abril, 2009  
Blogger Maria said...

Que vergonha! Só agora vi o vídeo. O que esta gente - a que produz e apresenta este programa e o próprio sistema, que ele representa, em peso - precisava sei eu e sabem 99% dos portugueses. E é pena que nunca mais se decidam a fazê-lo.
Maria

segunda-feira, 27 abril, 2009  

Enviar um comentário

<< Home